Header Ads

Deus ou Mamom? Tesouros no Céu ou na Terra?

Deus ou Mamom? Tesouros no Céu ou na Terra?
Texto: Mateus 6:19-24
Introdução: Tradicionalmente, este é um assunto muito sensível. Quando o assunto da mensagem de um pregador é a questão de dinheiro ou posses, ele é muitas vezes acusado de deixar as questões espirituais e se intrometer em assuntos que não é da sua incumbência.
Acredite em mim, eu não tenho nenhum desejo de se intrometer nesta noite. No entanto, a minha afirmação é de que não há nada mais espiritual na vida de um cristão do que sua atitude para com os bens materiais! Por que eu digo uma coisa dessas? Por se tratar de um problema do coração do crente. Se o nosso coração não está correto sobre esse assunto, então o nosso coração não é reto diante de Deus! Se você não for obediente à Palavra de Deus neste assunto, Deus não está satisfeito com a sua vida! Este pecado deve ser confessado, arrepender-se e ser purificado.

Observe nosso texto esta noite de Mateus 6:19-24 Jesus começa, com o habitual, pelo que apresenta um grande princípio e, em seguida, a explicação. O princípio: “Não ajunteis tesouros na terra... mas ajuntai para vós outros tesouros no céu”.

I. A ordem revela uma diferença.

A. É errado ter tesouros?
1. Imediatamente quando ouvimos a palavra tesouro nossa mente vai para pensar em termos de Reais e centavos.
2. Agora tesouro inclui dinheiro, mas é mais do que dinheiro.
3. Nosso "tesouro" pode ser uma casa, pode ser uma pessoa, pode ser uma posição que ostentamos ou buscamos.
4. O que significa tudo para você, é o seu tesouro... o que você acha de grande importância para você, é o seu tesouro.
B. Não é errado ter tesouros.
1. O desejo de possuir está dentro de cada um de nós.
2. Não é errado acumular tesouros para si mesmo.
3. Jesus nos ordena a "acumular tesouros" para nós mesmos.
C. A chave para entender esse mandamento.
1. O "ajuntai" é algo que devemos fazer agora!
2. Neste momento estamos ajuntando tesouros "sobre a terra" ou "no céu".
3. Tesouros na terra:
a. Estes são valores tangíveis, materiais que esperamos desfrutar agora.
b. Nota: v. 32 "Porque todas estas coisas..."
c. Poderíamos incluir nesta lista de coisas...
1) O nosso carro, casa, roupa
2) Todos os nossos bens sejam eles quais forem
3) Tudo o que temos ou esperamos ter reside no reino de tesouros terrenos
4) Coisas que podemos ter e desfrutar agora!
4. Tesouros no céu:
a. Estes são o intangível, o imaterial.
b. Nota: 1 Timóteo 6:17-19
c. Estes tesouros envolvem, não coisas, mas ações e obras.
d. Eles são algo que podemos fazer agora, mas vamos desfrutar mais tarde.
e. Nota: Mateus 25:35-40
f. Os tesouros do céu se encontram dentro do reino de atitudes e ações. Visto em como podemos responder às necessidades dos outros.

II. A ordem revela uma dificuldade.

A. Tesouros terrestres não durarão.
1. Jesus disse que havia três problemas específicos com tesouros terrenos.
2. Traças, ferrugem, e os ladrões.
3. Se os nossos tesouros estão sobre a terra, podemos ter certeza de uma coisa: Nós vamos perdê-los!
4. Não há nenhuma maneira de nós podermos preservá-los para nós mesmos.
a. O que as traças e a ferrugem não destroem, os ladrões vão roubar!
b. "Porque nada temos trazido para este mundo, e é certo que nada podemos levar dele." 1 Timóteo 6:7
c. Alguém disse que invejava um homem porque ele morreu um milionário... mas quando ele morreu, seus milhões não morreu com ele, alguém ficou para apreciá-los.
B. Tesouros terrestres não satisfazem.
1. Nós ansiamos por algo, e no momento em que chegamos lá é uma sensação de decepção.
2. Você quer verificação isso?
a. Olhe em seu armário...
b. Procure na caixa de brinquedos de seus filhos...
c. Olhe em seu quartinho da bagunça...
d. Olhe para o número de coisas que você não usa...
3. Um homem sentou-se em frente a uma mulher que era uma fumante inveterada.
a. Ela acendeu um cigarro atrás do outro, até que a embalagem estivesse vazia.
b. Ela amassou o pacote e jogou-o no chão.
c. Do outro lado da frente do pacote leu as palavras: O Gosto que satisfaz!
4. O problema com tesouros terrenos é que eles não duram e que não satisfazem!

III. A ordem revela um perigo. V. 21

A. Em primeiro lugar, o coração está envolvido.
1. Estes tesouros nos prendem, se são da terra ou do céu.
2. Assim, vemos o grande perigo de tesouros terrenos...
a. Se nossos afetos são centrados em coisas...
b. Começamos a amar as coisas e usar as pessoas, ao invés de amar as pessoas e usar as coisas.
c. Descobrimos que estamos prontos para lutar por essas coisas que nós amamos... elas reclamam nossos afetos.
d. Nos tornamos amargos e irritados quando alguém tenta tirar o que temos estabelecido como os nossos tesouros.
B. Em seguida, a mente está envolvida.
1. Nota: v. 22-23
2. Jesus está dizendo que existem apenas duas maneiras de olhar para as coisas.
a. Olho bom: com uma mente espiritual que avalia corretamente tesouro e, portanto, pode ver tudo de forma clara e verdadeira.
b. Olho mal: com uma mente carnal, uma mente material que ofusca e distorce a visão e nossa percepção do que é realmente valioso.
3. O que o coração se apodera, a mente começa a justificar.
a. Somos especialistas em explicar nossas extravagâncias.
b. Jesus disse: "...se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão grandes serão tais trevas!"
c. Nosso senso de valor é escurecido.
C. Não é somente o coração e a mente que estão envolvidos, mas também a vontade. V. 24
1. Quando usamos a palavra "servir" entramos no reino da ação, escolha, da decisão.
2. Não há meio termo aqui também servimos a Deus ou servimos Mamom ou dinheiro.
3. Nós decidimos a quem vamos servir!
a. Estamos de volta ao começo, onde Cristo nos ordena a não acumular tesouros sobre a terra,
b. Mas ajuntar tesouros no céu.
c. A escolha é nossa... Cristianismo não é tanto o que dizemos, mas é o que nós fazemos!

Conclusão: Observe: 2 Coríntios 13:5: "Examinai-vos a vós mesmos se permaneceis na fé; provai-vos a vós mesmos..." Hoje eu quero desafiar cada um de nós a fazer isso nesta questão de posses. Estamos ajuntando tesouros na terra que não será de nenhum valor eterno? Ou será que estamos ajuntando tesouros no céu? Uma hora dedicada a visitar alguém que está em necessidade de encorajamento, testemunhar para o perdido, ajudar os necessitados. Estes são verdadeiramente tesouros. O dinheiro gasto em missões, ou o investimento no crescimento espiritual dos outros nunca é perdido!

De que serve o nosso dinheiro, se não podemos investir na obra do Senhor?
Leia também:  Usando o que Deus nos Deu

Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!

Tecnologia do Blogger.