Header Ads

O Que Isaías Viu

O Que Isaías Viu
Texto: Isaías 6:1-9
Introdução: Crises e mudanças muitas vezes levam as pessoas a momentos de autoexame e reflexão e até mesmo oração. Era apenas um tempo para o jovem Isaías, quando ele foi ao templo para orar. O reinado do Rei Uzias havia começado com muita promessa, mas, infelizmente, o orgulho tomou conta de Uzias e ele presumiu que podia fazer no templo o que era proibido. Ele foi atingido com lepra e morreu, não no palácio, mas na ala dos leprosos.

Qualquer crise, mesmo que pequena, pode ser uma oportunidade para uma nova visão de Deus. Se considerarmos o que Isaías viu, pode ajudar a nossa visão espiritual. Como Isaías, podemos encontrar uma nova inspiração e renovação do compromisso.

I. Isaías Viu O Seu Senhor: Foi Um Momento De Reverência.

A. Ele precisava ver Deus. Ele havia colocado tanta confiança em um rei visível que ele sentiu anteriormente pouca necessidade de estender a mão ao rei invisível.
B. Ele viu Deus em toda a Sua majestade. Deus estava sobre um "alto e sublime" trono
C. Ele viu Deus no Seu poder. "as orlas do seu manto enchiam o templo"
D. Ele viu Deus em Sua santidade. Os serafins, se cobrem com humildade. Quando eles cantam, eles começam com: "Santo, santo, santo". O cântico dos serafins ressalta o fato de que temos um Deus santo. Em nosso desejo de enfatizar o amor de Deus, nunca devemos tirar-lhe a grandiosidade.

II. Isaías Viu O Seu Pecado: Foi Um Tempo De Arrependimento.

A. Esta é uma reação natural depois de chegar a um acordo com a santidade de Deus. Quando capturamos uma visão de Deus, devemos estar dispostos a nos ver como realmente somos, mesmo que isso nos entristeça.
B. É uma coisa interessante ver que Isaías mencionou seu próprio pecado antes que ele mencionasse o pecado de seus compatriotas. Isaías viu seu próprio pecado e disse: "Eu sou um homem de lábios impuros, e habito no meio de um povo de lábios impuros".

III. Isaías Viu A Sua Purificação: Foi Um Tempo De Restauração.

A. Deus não negou a pecaminosidade de Isaías, mas ele proveu um escape. Um serafim tomou uma brasa do altar, onde o sacrifício pelo pecado foi feito, e queimou os lábios de Isaías, purificando-os.
B. Não havia nenhuma razão para Isaías continuar se sentindo indigno. Ele tinha sido purificado.

IV. Isaías Viu Sua Missão: Foi Um Momento De Reconhecimento.

A. Quando Deus diz: "Vá!" Nós vamos. Não há discussão. Nós não dizemos, "Lá está ele, envia-o"
B. Nós não devemos nos preocupar sobre como as pessoas vão reagir. Isaías foi avisado de antemão que o povo não iria responder como deveriam. Não importa o que as pessoas fazem, devemos ser fiéis.
C. Deus enviou ao povo uma mensagem não porque queriam, mas porque eles precisavam. A mensagem que Isaías transmitiria ao seu povo foi a mensagem que ele havia recebido. Há perdão e propósito com Deus, se você submeter sua vida ao seu cuidado e autoridade.

Conclusão: Há uma mudança e caos no mundo, mas eu digo a você: "Deus ainda está no trono". Se você dúvida, basta olhar em volta. Ele pode estar mais perto do que você pensa. Talvez você possa dizer: "eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono, e isso fez toda a diferença"

Ilustração: Muitos de nós somos como o homem que foi ao consultório do psiquiatra com um ovo frito no topo de sua cabeça, uma tira de bacon estendida sobre cada orelha, e uma salsicha em cada narina. "Eu preciso falar com você, doutor", disse ele, "É sobre o meu irmão"

Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!

Tecnologia do Blogger.