Header Ads

Lembre-Se: Estamos Em Guerra Espiritual

Lembre-Se: Estamos Em Guerra Espiritual
Texto: Josué 5:13-15
Introdução: Como povo de Deus, precisamos nos levantar contra as forças do mal sabendo que temos o Senhor como nosso general para nos liderar na batalha e nos conduzir em vitória.

"pois não é contra carne e sangue que temos que lutar, mas sim contra os principados, contra as potestades, conta os príncipes do mundo destas trevas, contra as hostes espirituais da iniquidade nas regiões celestes" Efésios 6:12

"pois as armas da nossa milícia não são carnais, mas poderosas em Deus, para demolição de fortalezas; derribando raciocínios e todo baluarte que se ergue contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo pensamento à obediência a Cristo" 2 Coríntios 10:4-5

"Mas em todas estas coisas somos mais que vencedores, por aquele que nos amou. Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem anjos, nem principados, nem coisas presentes, nem futuras, nem potestades, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor" Romanos 8:37-39.

I. O Desafio diante de Josué

A. Preparando-se para a batalha.
1. Depois da morte de Moisés, Josué recebeu a grande responsabilidade de levar o povo de Deus para a Terra Prometida. Deus disse a Josué para "Esforça-te, e tem bom ânimo, porque tu farás a este povo herdar a terra que jurei a seus pais lhes daria".
2. Os israelitas tinham que estar preparados espiritualmente antes de enfrentar o inimigo no campo de batalha e entrar na Terra Prometida. Esta geração não tinha mantido o pacto abraâmico, a prática da circuncisão durante seu cativeiro no Egito. Todos os jovens do sexo masculino que nasceram durante seus quarenta anos no deserto tinham que ser circuncidados também. A circuncisão era um sinal da separação do povo de Deus de todas as outras pessoas. Deus chamou o lugar onde acamparam durante a circuncisão, Gilgal, o que significa "Eu tenho removido de vós o opróbrio do Egito”
3. Esta é uma lição espiritual para nós. A velha natureza não pode experimentar as bênçãos espirituais de Deus. "Porque a carne luta contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes se opõem um ao outro, para que não façais o que quereis" Gálatas 5:17
4. A Páscoa comemora a libertação dos israelitas do Egito. (Êxodo 7-12). Eles deveriam observar a Páscoa antes de entrar na Terra Prometida. Era um lembrete de sua redenção pelo sangue.
5. Da mesma forma, devemos estar em constante lembrança de nossa redenção no Calvário, e viver nossas vidas na sombra da cruz.
B. O Local da batalha. (Jericó)
1. A primeira batalha de Israel era com o povo de Jericó. Havia um muro completamente em torno da cidade. Este era um verdadeiro desafio para Josué. Estas muralhas teriam que ser derrubadas antes de Jericó ser derrotada. Como poderia Josué conduzir o povo de Deus para a vitória contra esta cidade murada? 

II. O Capitão Sobre Josué

A. Aparência do Capitão. "estava em pé diante dele um homem"
1. Enquanto Josué estava pensando em como ele iria derrotar Jericó, um homem "estava defronte dele com sua espada desembainhada na mão" Josué foi até o homem e perguntou-lhe: "És tu por nós, ou pelos nossos adversários?"
B. A grandiosidade do capitão.
1. Josué rapidamente reconheceu que este homem não era um homem comum. Este homem se identificou como o "príncipe do exército do Senhor". Josué reconheceu-o como mais do que um anjo. Ele "prostrando-se com o rosto em terra, o adorou". O capitão não era outro senão o Cristo pré-encarnado.
C. O exército do capitão. "Exército do Senhor"
1. "Exercito" fala dos grandes exércitos angelicais, sob a autoridade do Senhor.
D. A autoridade do capitão. "Tira os sapatos dos pés"
1. Josué era um general, mas ele rapidamente se submeteu à autoridade do capitão. Se queremos ser vencedores, temos de nos submeter ao Senhor Jesus Cristo. Nós não temos nenhuma autoridade contra o inimigo em nossa própria capacidade. Devemos permanecer em Cristo, sabendo que sem ele não podemos fazer nada.

III. A Conquista de Jericó

A. A promessa do Capitão. (6:2) "tenho dado na tua mão a Jericó"
1. O crente em Cristo tem a promessa do céu. (João 14: 1-3)
B. O plano do Capitão. (6:3-5)
1. Os israelitas conquistaram Jericó por um plano estranho. O Senhor só exigiu que eles obedecessem e confiassem nele. Eles não usariam espadas, facas ou lanças. Em vez disso, eles iriam marchar ao redor de Jericó seguindo sete sacerdotes, enquanto carregavam a Arca. Ao comando de Deus, eles deveriam soprar as trombetas e gritar. Este seria um ato de fé para Josué e para todos os israelitas.
2. O plano do Senhor eliminou qualquer ostentação ou orgulho dos israelitas em derrotar Jericó.
C. A presença do capitão. (6:27)
1. O Senhor prometeu a Josué que Ele lhe daria a vitória. Josué foi bem-sucedido porque o Senhor estava com ele. Nossas vitórias espirituais dependem do Senhor e não da nossa própria força.

Devemos desejar estar na presença de Deus permanecendo em Cristo.

Conclusão: Os inimigos de Cristo estão em ascensão. A igreja está perdendo o seu poder e influência. Isso pode mudar se o Senhor trabalhar poderosamente através do Seu povo como Ele fez com Israel. Não podemos confiar em nossos métodos mundanos e esquemas para alcançar os perdidos. Temos de confiar no Senhor e não em nosso talento ou esquemas.

Lembre-Se: Estamos Em Guerra Espiritual; lembremo-nos do Capitão de nossa salvação. A Bíblia descreve o sofrimento e a morte de Jesus para que os pecadores possam ser perdoados e salvos.

"vemos, porém, aquele que foi feito um pouco menor que os anjos, Jesus, coroado de glória e honra, por causa da paixão da morte, para que, pela graça de Deus, provasse a morte por todos. Porque convinha que aquele, para quem são todas as coisas, e por meio de quem tudo existe, em trazendo muitos filhos à glória, aperfeiçoasse pelos sofrimentos o autor da salvação deles" Hebreus 2:9-10.

Pr. Aldenir Araujo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!

Tecnologia do Blogger.