Header Ads

Os 4 Erros Do Jovem Rico

Os 4 Erros Do Jovem Rico
Texto: Mateus 19:16-22
Introdução: Ele era um homem rico e um jovem. Seus olhos estavam fixados em questões religiosas - sobre os mestres, a vida eterna, boas ações. Ele tinha a aparência de um buscador: ele parecia disposto a ouvir e ansioso para aprender. Ele parecia um discípulo. Mas sua história tem um final obscuro. Foi ele que inspirou as famosas palavras de Jesus "É mais fácil um camelo passar pelo fundo duma agulha, do que entrar um rico no reino de Deus". Mateus Estava lá para assistir o desenrolar do confronto deste homem com Cristo. Vamos examinar seu relato sobre o encontro fatídico.

O primeiro erro: Ele não reconheceu Jesus como Senhor

O jovem rico veio correndo para Jesus, e caindo de joelhos, ele perguntou: "Bom Mestre, que hei de fazer para herdar a vida eterna?" Jesus, percebendo os erros da juventude, respondeu com uma pergunta, uma pergunta que iria revelar as profundezas do conhecimento do jovem acerca de Deus. "Por que me chamas bom?"

Jesus tinha o hábito de fazer essas perguntas desarmadoras. O jovem não reconheceu com quem ele estava falando - um mestre, e mais do que um mestre. Ele estava de joelhos diante do chamado "maior do que Salomão". O jovem rico viu Jesus como um homem moral, um homem de visão e profundidade, mas ele não reconheceu a Sua autoridade divina. E cometer tal erro é fatal. Como C. S. Lewis deixou claro, Jesus é um mentiroso, um lunático, ou ele é o Senhor, o filho de Deus. Ele não pode ser apenas um outro mestre.

O segundo erro: Ele não tinha conhecimento de suas próprias faltas

Suponha por um momento que o jovem rico nunca tivesse violado os mandamentos de Jesus apresentados a ele. Suponha que ele nunca tivesse assassinado – nem mesmo com a língua. Suponha que ele não houvesse cometido adultério – nem mesmo em seu coração. Suponha que ele não tivesse roubado - ou até mesmo invejado. Suponha que ele nunca tivesse falado menos do que toda a verdade. Mesmo assim ele não tinha conhecimento de suas próprias faltas. Você observou que Jesus só lhe mostrou as partes do Decálogo que lidam com as relações homem-a-homem. Os outros mandamentos têm a ver com as relações Deus-homem, e este jovem, obviamente, não tinha cumprido os mandamentos. Se ele os tivesse cumprido, ele teria imediatamente reconhecido Jesus como o Filho de Deus. Mas ele não reconheceu Jesus, e ele não disse a verdade a ele sobre seu comportamento. Ele era descontroladamente ingênuo e tragicamente cego.

O terceiro erro: Ele entendeu mal o plano da graça

"...que hei de fazer para herdar a vida eterna?" Não há nada que possamos fazer, além de crer em Jesus Cristo como Salvador. Tão rico como ele era, ele estava espiritualmente falido e terrivelmente pobre de fé.

O quarto erro: Ele foi embora

De certa forma, este foi o seu único erro. Um homem pode interpretar mal a divindade de Cristo, ser cego, e não compreender a graça de Deus e ainda ser salvo se ele se comprometer ficar com Deus. Pedro, André, João, Mateus e os outros não compreenderam totalmente o Senhorio de Jesus, e eles certamente não entenderam completamente o plano da graça, mas eles ficaram com Jesus. Eles estavam dispostos a comprometer-se a um estilo de vida de aprender Dele. Eles aprenderam deEle, ao longo do curso. Essa é a maneira de ser salvo. Se você está disposto a lançar-se com Cristo na longa jornada de quebrantamento, se você estiver disposto a caminhar todo o caminho, cada passo difícil, então você é um homem sábio, mesmo se você não for jovem ou rico.

Pr. Aldenir Araujo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!

Tecnologia do Blogger.