Header Ads

4 lições que aprendemos nas tempestades da vida

4 lições que aprendemos nas tempestades da vida
Texto: Mateus 14:22-33

Introdução: Como nós vivemos “em” e “entre” para Deus vamos encontrar tempestades. Algumas criadas por nós mesmos, algumas simplesmente por estar seguindo e fazendo a vontade de Deus. A chave é como reagimos em meio a elas.

1. Muitas vezes encontramos tempestades na vida por causa da direção de Deus. (Versículos 22)

A. Os discípulos foram obrigados a entrar na tempestade.
a. Jesus sabia que a tempestade estava chegando, então não foi um acidente.
b. Jesus tinha um propósito para os discípulos passarem pela tempestade.
B. Deus tem um propósito para tudo o que passamos ... estamos dispostos a confiar Nele?

Agora o fato de que todos nós passamos por tempestades não é realmente importante, e que forma estas tempestades, provações tomam, também não é importante. Então o que é importante? você pode estar se perguntando. Bem, esse é o nosso segundo ponto ...

2. A chave para resistir às tempestades da vida está em como reagimos a elas. (Versículos 25-29)

A. O exemplo que nos é dado inicialmente não parece tão encorajador.
a. Os discípulos, que tinham acabado de assistir e participaram da "Alimentação dos 5000" parecem ter esquecido o poder de Deus.
b. Posso imaginar 12 homens adultos, metade pescadores, gritando e chorando em desespero.
B. Reagir em pânico nunca é produtivo.
a. O pânico só leva a mais pânico ... eles pensaram "é um fantasma"
b. Devemos ter cuidado aqui para não ficarmos presunçosos pensando, “como eles puderam pensar isso ...?' Pense em que Provérbios 16:18. O orgulho vai antes da queda ...
c. Quantos de nós deixamos a igreja ou nossos tempos devocionais depois que Deus realmente nos abençoou, e perdemos nosso foco ...

3 Passos para aprender das tempestades da vida:

A. Passo 1: Olhe e veja realmente o que está acontecendo.
a. Pedro levou tempo para fazer isso.
b. Não basta olhar casualmente e presumir que você sabe. (Menino que encontrou diamantes e a mãe fez ele jogar fora pensando que era vidro, para descobrir mais tarde que eram diamantes)
B. Passo 2: Ouça o que Deus está dizendo.
a. Pedro queria ouvir e saber que era Jesus
b. Isso só é possível se você já estiver sintonizado com Jesus
c. O meio de uma situação / tempestade não é o momento de desenvolver isto ... é momento de devoções pessoais ou momento de silêncio.
C. Passo 3: Obedeça sem vacilar até chegar ao outro lado.
a. Pedro começou bem, andando pela fé
b. Nota: Nós só devemos dar saltos de fé quando Deus nos diz para fazê-lo (não quando pensamos ou quando os outros fazem, mas somente quando vem de Deus)

Agora você pode estar se perguntando, se eu der esses passos, isso significa sucesso? Vamos considerar nosso 3º ponto ...

3. Os resultados sempre dependem de Jesus (versículos 30-33).

A. Pedro precisava aprender esta lição.
a. Não era sobre o quão bem ele estava fazendo - ele tinha chegado ao alcance dos braços de Jesus
b. Não era sobre quão grande a situação e as circunstâncias pareciam - Pedro olhou isto e literalmente perdeu de vista o que era importante.
B. Isso nos diz que podemos ter fé verdadeira e, no entanto, ela pode ser superficial.
a. Significa que se distrai facilmente ... não duvide da sua fé
C. Lembre-se: a principal lição é quem Jesus é.
a. Ele é suficiente.
b. Assim como Ele estava lá para Pedro, assim Ele está por nós.
c. Não há nada que Ele não possa cuidar.
D. A Questão é: Que tipo de fé temos?
a. Circunstancial, temporal, superficial / pouco, fé duvidosa ou ...
b. Fé incondicional em Jesus?

Conclusão:

A. Hoje eu não sei que tipo de tempestades você pode estar enfrentando na vida, mas eu sei como você pode passar por elas ... fé incondicional em Jesus
a. Você pode ter começado bem como Pedro, mas como ele você se tornou distraído
b. Clame e deixe Jesus erguer você de novo.
B. Ou você pode estar aqui e você nunca soube que havia ajuda para superar as tempestades da vida
a. Hoje Deus quer ser sua 'ajuda em momentos de necessidade'
b. Tudo que você tem a fazer é aceitar Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador ... que é tão simples como o A. B. C

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!